Passar para o Conteúdo Principal

Logotipo da Câmara Municipal de Vila do Conde

siga-nos
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C

União de Freguesias de Bagunte, Ferreiró, Outeiro Maior e Parada

Em consequência da Lei 11- A /2013 de 28 de janeiro, foi concretizada a reforma administrativa do território que no caso do Concelho de Vila do Conde, resultou na agregação de 16 freguesias, com o aparecimento de 7 novas freguesias, reorganizando-se o Concelho de Vila do Conde em 21 freguesias, constituídas com base nos princípios, critérios e parâmetros definidos na Lei nº22/2012, de 30 maio.

Neste contexto, e sem prejuízo da preservação da identidade cultural, histórica, incluindo a manutenção dos símbolos das anteriores freguesias, conforme redação do ponto 3 do artigo 9 da Lei nº22/2012, as antigas freguesias de Bagunte, Ferreiró, Outeiro Maior e Parada cessam juridicamente, constituindo a União de Freguesias de Bagunte, Ferreiró, Outeiro Maior e Parada, sendo a sede da União de Freguesias Bagunte, de acordo com a Lei 11-A/2013 de 28 de janeiro.

  • População atual: 2848 habitantes
  • Área: 21,86 Km2
  • Distância à sede do Concelho: 10Km
  • Presidente
    Bernardino Vilas Boas da Silva
  • 1º vogal
    Ernesto Maia Azevedo 
  • 2º vogal
    Maria Goreti Azevedo Martins

  • Junta de Freguesia eleita por:
    imagem

  • Horário de atendimento:
    Bagunte: Segunda a Sexta: 9h00 - 12h00 e 15h30 - 17h00; Terça: 20h10 - 21h00 (atendimento do executivo); Quinta: 19h00 - 19h50 (atendimento do executivo) 
    Ferreiró: Segunda e Quinta: 13h30 - 15h00; Quarta: 20h10 - 21h00 (atendimento do executivo)
    Outeiro Maior: Terça e Sexta: 13h30 - 15h00; Quarta: 19h00 - 19h50 (atendimento do executivo)
    Parada: terça: 19h00 - 19h50 (atendimento do executivo); Quarta: 13h30 - 15h00.
    Espaço de Cidadão de Bagunte - Segunda a Sexta: 09h00 - 12h00 e 15h30 - 17h00; Terça: 20h10 - 21h00; Quinta: 19h00 -20h00

Morada: 
Rua da Igreja, 98
4480-214 BAGUNTE VCD
Telefone: 252 652 107 / 912 236 957 / 964 977 098
Fax: 252 652 107
E-mail: executivo@uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt; secretaria@uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt   
Website: http://uf-bagunte-ferreiro-outeiro-parada.pt/ 

Bagunte

Bagunte foi abadia da Casa de Bragança no termo de Barcelos, passando a integrar o concelho de Vila do Conde desde 1836. Santagões era uma freguesia distinta, que se reuniu com Bagunte em 1898.

Com uma cronologia conhecida de ocupação do século IV a.C. ao século IV d.C. (tendo por base análise ceramológica), a Cividade de Bagunte é conhecida desde muito cedo como um povoado antigo, de épocas pré- romanas, e é considerado Monumento Nacional. Trata-se de um povoado de enormes dimensões, com mais de 50 hectares, objeto de um projeto de dinamização cultural - o campo arqueológico de Bagunte.

O Castro de Santagões foi publicado por Fernando Russell Cortez como sendo um acampamento romano, uma vez que só possui muralhas em talude de terra. Não se conhecem outras estruturas no seu interior. Brochado de Almeida afirma tratar-se de um castro agrícola, sustentando a sua afirmação na existência de um fragmento de cerâmica castreja que no entanto nunca foi publicado, encontrando-se completamente eucaliptizado.

Ainda no lugar de Vila Verde foi localizada, no início do século XX, uma necrópole romana que se supõe pertença de uma Villa que se erguia nas imediações. 

 

  • Orago: Santa Maria / Nossa Senhora da Expectação
Ferreiró

A freguesia de Ferreiró pertence ao concelho de Vila do Conde desde a divisão administrativa de 1936, fazendo, anteriormente parte do concelho de Vila Nova de Famalicão.

O castro de Ferreiró, mais um exemplar dos Castros estratégicos ribeirinhos em que Vila do Conde é fértil, comprova antiga ocupação da freguesia. Toma o nome de Castro de Sta. Marinha de Ferreiró, sendo um povoado fortificado, datado do primeiro milénio a.C.. Atualmente, o povoado encontra-se parcialmente destruído por uma pedreira, restando uma linha de muralha, em pedra. Localizaram-se, neste local, vários vestígios de cerâmica, datados entre os séculos I e II a.C.

Ainda freguesia, podem encontra-se as azenhas do Ave, importantes exemplares da arqueologia industrial.

  • Orago: Sta. Marinha
Outeiro Maior

A freguesia de S. Martinho de Outeiro Maior foi vigararia do Convento de S. Simão da Junqueira. Pertenceu ao concelho da Póvoa de Varzim e foi integrado no de Vila do Conde em 1853.

Situa-se nesta freguesia a Quinta de Cavaleiros, um exemplar de arquitetura privada renascentista, cuja feição atual data dos séculos XIV, XVI e XVIII. Neste espaço terá aparecido um machado de aletas da Idade do Bronze cujo paradeiro se desconhece e que poderia estar relacionado com as origens da Cividade de Bagunte. É também observável tégula à superfície. Embora não se conheçam pormenores acerca da ocupação do período romano julga-se que talvez tenha funcionado, nesse período, como arrabalde da Cividade de Bagunte.

  • Orago: S. Martinho
Parada

A freguesia de Santo André de Parada foi vigararia do convento de S. Simão da Junqueira, tendo depois passado a reitoria. Já no século XII esta terra é mencionada numa doação feita ao convento de S. Simão. Aí foi construída uma quinta honrada pelos senhores do Solar de Cunha-a-Velha, de S. Miguel de Cunha.

Fez parte da Póvoa de Varzim e foi integrada no concelho de Vila do Conde em 1853.

  • Orago: Santo André
Município de Vila do Conde

Praça Vasco da Gama
4480-454 Vila do Conde

Telefone +351 252 248 400
E-mail geral@cm-viladoconde.pt

Horário de atendimento
Segunda a sexta - 9h00 às 16h30

© 2015 | Todos os direitos reservados

wiremazelogótipos da validação