Passar para o Conteúdo Principal

imagem

siga-nos
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C

Monumentos Nacionais

Igreja do Convento de Santa Clara e Túmulos dos Fundadores

Acesso: Largo D. Afonso Sanches
Proteção: Monumento Nacional, Dec. 16-06-1910, DG 136 de 23 junho 1910, ZEP, DG 145 de 23 junho 1960
Coordenadas GPS: 41º 21' 11.03" N; 8º 44' 22.28" W

O início das obras deste monumento religioso de características góticas, manuelinas, barrocas e rococó, verificou-se em 1318. Apresenta planta de cruz latina de nave única, com transepto de grandes dimensões. No exterior, destaque para a cabeceira poligonal, bem como uma grande rosácea de tipo radiante. No interior, a nave é coberta de caixotões de talha octogonal ricamente decorados. De assinalar também a Capela dos Fundadores, onde se encontram os seus túmulos, de estilo manuelino e o órgão rococó. O coro baixo é corrido por um cadeiral de duas filas e preserva dois retábulos com pinturas. O coro-alto é coberto por teto em abóbada de berço coberta revestida por caixotões de talha fortemente decorados.

Igreja Matriz de Vila do Conde

Acesso: Rua da Igreja
Proteção: Monumento Nacional, Dec. 16-06-1910, DG 136 de 23 junho 1910, ZEP, DG 26 de 02 fevereiro 1960
Coordenadas GPS: 41º 21' 14.17" N; 8º 44' 33.61" W

Edifício tardo-gótico com elementos manuelinos, barrocos, neogóticos, apresenta planta em cruz latina com três naves, transepto (com duas capelas) e cabeceira salientes. A sua construção, de quinhentos, sofreu um impulso fundamental com a passagem de D. Manuel por Vila do Conde, em 1502, que definiu o traçado da planta, atribuiu um subsídio e criou um imposto para a mesma. Destaque para o pórtico, fortemente decorado, cuja autoria se atribui a João de Castilho, bem como para a torre sineira quadrangular, erguida em 1573, da autoria de João Lopes, O Velho. No interior destaque para os retábulos, o púlpito e as abóbadas de arestas das capelas ricamente decoradas e arco em cantaria com policromia, entre outros.

Aqueduto de Vila do Conde

Acesso: Vila do Conde, Póvoa de Varzim
Protecção: Monumento Nacional, Dec. 16-06-1910, DG 136 de 23 junho 1910, incluído na Zona Especial de Proteção da Igreja de Santa Clara
Coordenadas GPS: 41º 21' 14.20" N; 8º 44' 23.14" W

Inicialmente formado por 999 arcos, com cerca de 5Km, é o segundo aqueduto mais extenso de Portugal. Este canal artificial foi construído entre 1705 e 1714, desde o Convento de Santa Clara até à nascente (Terroso, Póvoa de Varzim), com o objetivo de levar água até ao chafariz do Mosteiro, através da sua arcatura.

Igreja Matriz de Azurara

Acesso: Rua Padre Serafim das Neves e Rua Nossa Senhora de Fátima
Proteção: Monumento Nacional, Dec. 16-06-1910, DG 136 de 23 junho 1910
Coordenadas GPS: 41º 20' 41.60" N; 8º 44' 09.78" W


Construída no século XVI, apresenta planta longitudinal, de três naves com diferentes alturas e capela-mor retangular. A fachada principal é ladeada por uma robusta torre retangular e o pórtico manuelino é constituído por um arco de moldura lavrada e ladeado por colunas em espiral. No interior a cobertura de madeira das naves é moderna. A abóbada artesoada da abside é de pedra e apresenta estrutura polinervada com rosetas nos fechos e rematada ao centro com o brasão de D. Manuel I. De salientar o revestimento azulejar, o retábulo-mor em talha, as pinturas do século XVII e as siglas nas lages do pavimento interior, que se julga terem sido de pescadores azurarenses.


Igreja Românica de S. Cristóvão de Rio Mau

Acesso: Vila do Conde, EN 206, Rio Mau
Proteção: Monumento Nacional, Dec. 16-06-1910, DG 136 de 23 junho 1910

Coordenadas GPS: 41º 23' 59.52" N; 8º 40' 45.93" W

Edifício de estilo românico, construído no século XII, é composto por nave e abside de planta retangular. A fachada principal apresenta o portal, encimado por uma cruz dos Templários, com três arquivoltas apoiadas em seis colunelos com capitéis esculpidos. No interior, a nave é coberta por teto de madeira curva enquanto a cabeceira apresenta abóbada de berço, com restos de decoração vegetalista. Destaque ainda para o conjunto de capitéis, que reforçam o estilo românico aqui presente.


Pelourinho 

Acesso: Praça Vasco da Gama
Proteção: Monumento Nacional, Dec. 16-06-1910, de 23 junho
Coordenadas GPS: 41º 21' 14.25" N; 8º 44' 36.52" W

Mandado construir por deliberação camarária em 1538, encontra-se assente numa base octogonal. O fuste é torcido em forma de corda, bem ao estilo manuelino. Possui o brasão real no capitel. Nas faces do pedestal do pelourinho há legendas inscritas alusivas às suas diversas localizações na cidade. Construído para simbolizar a jurisdição municipal.

Município de Vila do Conde

Praça Vasco da Gama
4480-454 Vila do Conde

Telefone +351 252 248 400
E-mail geral@cm-viladoconde.pt

Horário de atendimento
Segunda a sexta - 9h00 às 16h30

© 2015 | Todos os direitos reservados

wiremazelogótipos da validação