Passar para o Conteúdo Principal

imagem

siga-nos
Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C

Princípios de Ação

As acções desenvolvidas no âmbito da Rede Social orientam-se pelos princípios de Subsidiariedade, Integração, Articulação, Participação, Inovação e Igualdade de Género.

  • Princípio de Subsidiariedade

    É ao nível local, próximo das populações, que se deve actuar, de forma concertada, articulada e preventiva no sentido de resolver os problemas locais, uma vez que é a este nível que se identificam as necessidades, os recursos e as potencialidades. O Estado, a sociedade civil organizada e os cidadãos devem convergir, gerando factores de mudança que contribuam para a inserção dos mais desfavorecidos e para o Desenvolvimento Social.

  • Princípio de Integração

    Implica o desenvolvimento de intervenções integradas e multisectoriais para responder mais eficazmente ao caracter multidimensional dos fenómenos da pobreza e exclusão social. O desafio que se coloca à Rede Social é o de ser capaz de integrar as várias medidas de política (económicas, sociais, ambientais entre outras), os instrumentos existentes ao nível dos vários sectores, numa ação concertada e coerente de desenvolvimento social.

  • Princípio de Articulação

    É fundamental articular a ação dos diferentes agentes com actividade num território, através do desenvolvimento do trabalho em parceria, da cooperação e da partilha de responsabilidades. A Rede Social deve constituir um suporte da ação que permita mobilizar os recursos e as competências existentes na comunidade e contribuir para a promoção de projetos de ação coletivos.

  • Princípio de Participação

    A promoção do Desenvolvimento Social no combate à exclusão social, é tanto mais efetiva quanto resulte de um processo amplamente participado. A participação deve alargar-se aos actores locais e às populações, em particular às mais desfavorecidas. É crucial reconhecer a importância das organizações de base associativa, como instrumentos que contribuem para o reforço dos elos sociais.

  • Princípio de Inovação

    Tendo em conta as novas problemáticas e as mutações sociais que ocorrem, torna-se fundamental que as novas políticas, medidas e programas sejam portadores de inovação para se adequarem às realidades em presença. A Rede Social privilegia a mudança de atitudes e de culturas institucionais e a aquisição de novos saberes.

  • Princípio de Igualdade de Género

    Princípio que prevê e contempla em todas as intervenções, a igualdade de oportunidades entre homens e mulheres.
Município de Vila do Conde

Praça Vasco da Gama
4480-454 Vila do Conde

Telefone +351 252 248 400
E-mail geral@cm-viladoconde.pt

Horário de atendimento
Segunda a sexta - 9h00 às 16h30

© 2015 | Todos os direitos reservados

wiremazelogótipos da validação